Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

E AGORA ??

O MUNDO VISTO PELOS MEUS OLHOS

QUANTO CUSTAM 40 ANOS DE 25 DE ABRIL

por ARMANDO CORREIA, em 14.02.14

Acabei de ler uma noticia que me faz rir, e faz-me rir porque o 25 de Abril trouxe-nos a liberdade de falar, expressar, e até contestar as opiniões dos outros.

O parlamento pediu ao compositor Rodrigo leão que criasse uma música para ser apresentada na escadaria da Assembleia da República no próximo aniversário do 25 de Abril, a pergunta que me ficou imediatamente na mente foi, quanto custa?

Na mesma noticia diz-se que existe ainda uma hipótese da artista plástica Joana Vasconcelos decorar chaimites (antigos veiculos da forças armadas) com cravos vermelhos para apresentar nesse dia, e a minha pergunta foi, quanto custa??

E como sou livre de expressar a minha opinião, deixem-me dizer que este post quase podia ter o titulo de " isto é uma paródia ".

A Presidente da Assembleia vem dizer que os custos não estão estimados porque ainda não está tudo decidido, e eu continuo a dizer "isto é uma paródia".

Eu sei que corro o risco de me chamarem ignorante ou que tenho falta de cultura, mas isso para mim não é problema.

Decididamente não irei ver a transmissão na RTP, porque isto é serviço público e vamos gastar mais uns milhares com a transmissão, mas eu como estarei a trabalhar não irei ver, no entanto sempre podem ver os reformados que mal conseguem viver com as reformas miseráveis que recebem.

Decididamente não concordo com a pompa e circunstância que estão a querer criar no dia 25 de Abril.

O 25 de Abril foi a revolução do povo, e o povo tem fome, porque não tem dinheiro que chegue para comer.

O 25 de Abril foi a revolução do povo, e o povo está afogado em impostos que deviam servir para pagar tudo, menos estas festarolas para meia dúzia de engravatados.

Fica a esperança que mais uma vez alguém consiga virar a Bandeira Portuguesa de cabeça para baixo, em sinal de repúdio pelo esbanjamento de dinheiro.

E já agora Senhora Presidente porque não a repetição dos concertos no dia do trabalhador para entreter os milhares de desempregados que o nosso pais possui?

4 comentários

Comentar post