Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

E AGORA ??

O MUNDO VISTO PELOS MEUS OLHOS

EMAIL AO MEU CÃOZINHO... OU SIMPLES OPINIÃO SOBRE A CARTA DE TORDO

por ARMANDO CORREIA, em 21.02.14

O meu cãozinho foi-se embora, partiu hoje de manhã, ia insatisfeito porque agora a ração é do Lidl e antes era de uma loja especializada.

Além disso o meu cãozito tinha direito a uma taçinha de comida especial e agora já não há dinheiro para isso.

Não lhe escrevi uma carta, porque as cartas estão fora de moda.

Só me resta dizer adeus ao meu canito.

 

Esta semana andou por ai a circular a carta que João Tordo escreveu ao pai, que imediatamente foi acompanhada de muitas outras na net, de filhos para pais, ao mesmo tempo que era partilhada por milhares de pessoas especialmente comunistas no Facebook.

Não ponho aqui em causa os sentimentos do filho Tordo pelo pai, nem sequer a ideia que um escritor teve de usar a sua capacidade de escrita para chegar ao público, nem sequer ponho em causa a indignação que se sente com a fuga dos portugueses para o estrangeiro, assunto que eu próprio abordei ontem.

Aquilo que a mim me indigna é que toda a gente diz que João Tordo escreveu uma carta emocionada ao pai que tocou no coração de todos, pois a mim não me parece nada.

Tenho a certeza que João Tordo disse ao pai aquilo que tinha para dizer na hora da partida, se emocionou na hora da partida, se despediu do pai pessoalmente e depois então, sentadinho no seu computador escreveu a dita carta com o objectivo de chegar ao público.

Não concordo com os nomes que chamaram ao pai, e com a forma como foi tratado, mas há uma coisa que me deixa intrigado, ao fim de tantos anos, alguns de estrelato, o Tordo pai não amealhou dinheiro para viver descansado a velhice, então????

Esta carta fez-me lembrar aquelas reportagens que passaram há pouco tempo na TV sobre jogadores de futebol que vivem do rendimento minimo.

O estado pode ter culpa pelos valores ridiculos das reformas, mas não é concerteza culpado pelo facto de os portugueses não saberem poupar, especialmente aqueles que conseguiram receber ao longo dos anos dinheiro acima da média, como acontece normalmente com estes famosos.

Finalmente quanto ao Tordo pai, é uma pessoa que ainda cheguei a ver na TV, que segundo me parece ainda teve uma carreira longe e fulgurosa e não me admiraria nada que um dia destes ainda apareça por ai um trabalho discográfico feito no Brasil.

Para finalizar sobre as pessoas que escreveram cartas aos pais e colocaram na net a imitar o João Tordo, é melhor desistirem, não se esqueçam que o rapaz é escritor e sabe como chegar ás massas, enquanto nós somos apenas uns escritores de bancada.

E depois disto tudo, parece-me que está alguém a empurrar a porta... é o meu cãozinho, afinal voltou para casa, antes comer ração do Lidl do que passar fome.

 

Edição - 2 horas depois de escrever este post vejo uma entrevista de fernando Tordo que diz que está ansioso para mostrar a música portuguesa aos brasileiros e volta em Abril a Lisboa.

 

Tenho um dedinho que adivinha não??? Boa publicidade.

4 comentários

Comentar post