Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

E AGORA ??

O MUNDO VISTO PELOS MEUS OLHOS

COIMBRA E A UNIVERSIDADE PARA SEMPRE

por ARMANDO CORREIA, em 09.05.14

 

 

Sou de Coimbra, onde a palavra saudade deambula entre capas negras e faz muito mais sentido.

Sou da Coimbra das tertúlias, da Coimbra do eferreá, de Coimbra da Universidade.

Sou de Coimbra das serenatas, da Coimbra das lágrimas, da Coimbra onde todos os anos a despedida se sente na serenata.

Sentem-se nas palavras das pessoas, sentem-se nas vozes que ecoam pela noite dentro.

Sente-se o negro da queima, e o fulgor do espirito académico.

Quem vem não mais esquece, quem vai volta de certeza um dia.

Aproveito para deixar o link das palavras que melhor descrevem COIMBRA aqui:

 

http://perhapsnaosaoervilhas.blogs.sapo.pt/despedida-17491

2 comentários

Comentar post